Skip to content

Impacto financeiro Oferta de recursos técnicos Gastos inesperados Benefícios para a operação

Os serviços de implantação, programação e manutenção de impressoras térmicas de código de barras demandam um tipo de conhecimento muito específico que, em geral, não é disseminado no mercado e tampouco nos cursos de Tecnologia da Informação (TI).

Em grande parte, essa carência ocorre em função de que os principais fabricantes de equipamentos costumam restringir os treinamentos e as atividades de capacitação às suas próprias revendas. “São ações raramente eficazes na transmissão de conhecimentos ao cliente – que, por isso, passa a depender do desenvolvimento de seu próprio know-how”, observa Elvio Filho, Diretor do Grupo Serwir.

O executivo afirma que essa realidade se tornou ainda mais caótica em função das recentes fusões e aquisições de fabricantes, uma vez que esses processos não observaram os cuidados com a preservação e difusão dos conhecimentos a respeito de produtos já lançados no mercado.

Sobrou para a área de TI

Com o tempo, as empresas que mantêm o seu próprio parque de impressoras térmicas verificaram o quanto é oneroso desenvolver dentro da corporação um suporte técnico específico para os equipamentos. Por isso, esse suporte tem sido assumido pelos seus profissionais da área de TI.

Contudo, esses profissionais se ressentiram da carência das ações de capacitação que deveriam ser oferecidas pelos fabricantes. Nessas condições, eles normalmente são obrigados a trabalhar de acordo com o método de “erro e acerto”, sem garantias de que chegarão ao “acerto”.

 

A solução

Tendo em vista esta realidade, muitas empresas do Brasil estão deixando de bancar o seu próprio parque voltado para a impressão de código de barras, ao optar pelo aluguel dos equipamentos.

O primeiro benefício que essas organizações buscam é justamente a economia de recursos humanos na área de TI. “Com isso, esses profissionais ganham mais tempo para se dedicar ao ‘core business’ da empresa”, comenta o Diretor Elvio Filho.

De acordo com ele, o Grupo Serwir vem desenvolvendo desde 1999 um sistema de locação que mantém sempre muito

próximo de zero os riscos de erros na impressão térmica e na aplicação de etiquetas com código de barras.

“Basicamente, isso acontece em função da nossa manutenção preventiva e dos treinamentos que realizamos com os profissionais diretamente envolvidos com os equipamentos, dentro da empresa”, conta Elvio. “Além disso, caso ocorra um problema relevante, ainda que isso seja raro, realizamos o socorro técnico imediatamente”, finaliza.

Notícias Relacionadas